Influências Sociológicas

August Comte, Herbert Spencer, Carl Marx,   Émile Durkheim e Max Weber...

August Comte, Herbert Spencer, Carl Marx e Émile Durkheim...

gettyimages-2666369.jpg

August Comte

França (1798-1857 )

Filósofo Francês, fundador do Positivismo, foi também o primeiro a empregar o termo Sociologia. 

August Comte foi discípulo de Saint-Simon, que o orientou para as ciências sociais, transmitindo-lhe as suas ideias básicas.

Auguste Comte afirmava que as diversas ciências já haviam atingido a positividade, mas o sistema ainda estava incompleto. Sentiu necessidade de uma nova disciplina, que ele chamou de física social ou Sociologia.

                               

              Fonte: E-biografia

Herbert_Spencer_by_John_Bagnold_Burgess.

Herbert Spencer

Inglaterra (1820-1903 )

Filósofo, tornou-se um dos maiores representantes do Positivismo em Inglaterra, país em que nasceu. 

Spencer é considerado o fundador da teoria do darwinismo social, onde as classes diferenciadas formariam a seleção natural na sociedade.

Interessou-se por filosofia e pela evolução natural. Porém, diferente de Darwin, as preocupações do filósofo eram as questões sociais. 

Teve grande influência em estudiosos como Durkheim.

                Fonte: E-biografia

03011_gg.jpg

Karl

Marx

Alemanha (1818-1883 )

Karl Marx foi um filósofo e revolucionário socialista alemão.

Criou as bases das doutrina Comunista. Em 1843, publicou o Manifesto Comunista junto com Engels, dando início à obra marxista que constitui o que se chama hoje de socialismo científico

 

Foi um duro crítico do Sistema Capitalista.

Também é conhecido por ter formulado o conceito do Materialismo Histórico Dialético.

 

Sua filosofia exerceu influência em várias áreas do conhecimento, tais como Sociologia, Política, Direito e Economia.

                  Fonte: E-biografia

French Photographer - Portrait of Emile

​Émile Durkheim

França (1858-1917 )

Émile Durkheim um foi sociólogo Francês.

É considerado o pai da Sociologia Moderna e chefe da chamada Escola Sociológica Francesa. É o criador da teoria da coesão social.

 

Criou o Método Sociológico, que constitui uma síntese da Sociologia como uma nova ciência social, delimitando o seu objeto de estudo aos Fatos Sociais. 

Ao longo da sua vida interessou-se por estudar e desenvolver teorias em temas como o Suicídio e as Religiões.

                  Fonte: E-biografia

Max-Weber-sociologo-8759989-3429545.jpg

Max

Weber

Alemanha (1864-1920 )

Max Weber foi um Político e Sociólogo Alemão, fundador do Partido Democrata Alemão, e que se tornou conhecido pela “Teoria dos Tipos Ideais”.

 

Foi um grande renovador das Ciências Sociais em vários aspectos, inclusive na metodologia, pois diferente dos precursores da sociologia, Weber compreendia que o método dessas disciplinas não poderia ser uma mera imitação dos empregados para as ciências físicas e naturais, uma vez que nos estudos sociais estão presentes indivíduos com consciência, vontade e intenções que precisam ser compreendidas. 

 

Estabeleceu os fundamentos do método de trabalho da “Sociologia Moderna”, uma base para se construir modelos teóricos centrados na análise e na discussão sobre conceitos rigorosos.

                  Fonte: E-biografia

Leia uma breve introdução ao conceito de Ciências Sociais